Aqui, partilho afectos.
E escrevo o que penso, do que gosto, do que me inspira.


domingo, 27 de maio de 2012

Ando devagar, porque já tive pressa, e tenho este sorriso, porque já chorei demais. Hoje sinto-me mais forte, mais feliz quem sabe...
Penso que cumprir a vida seja simplesmente compreender a marcha, e ir caminhando em frente...
Cada um de nós compõe a sua história e cada ser em si, carrega o dom de ser capaz, e de tentar sempre ser feliz.

Almir Sater
Pintura de Vladimir Volegov

2 comentários:

  1. Tão correcto este pensamento.

    Realmente, o importante na vida não é o ponto de partida, nem a chegada, mas sim a caminhada com seus percursos mais ou menos sinuosos...

    Beijos.

    ResponderEliminar
  2. É mesmo, amiga! O importante é mesmo a viagem...
    Beijo

    ResponderEliminar