Aqui, partilho afectos.
E escrevo o que penso, do que gosto, do que me inspira.


segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Uma questão de coragem


Um dia, disseram-me que eu era muito corajosa. Tinha acabado de ser operada. Uma cirurgia que durou mais de duas horas e, para a qual eu escolhi anestesia local. Não queria dormir, queria estar desperta e atenta ao que se passava à minha volta. Tinha 23 anos, uma vida pela frente, e muita coragem e determinação. Mas acima de tudo, tinha muita vontade de viver.
Depois dessa cirurgia, já fiz mais algumas. A coragem, ainda cá está, inabalável, lutando diariamente contra o medo e a angústia, porque a vida tem que ser vivida com alegria, com bravura. A minha luta é diária. Tenho Lupus, e o Lupus ensinou-me a viver a vida no presente, sem planos. Não faz mal, afinal a vida  faz-se no presente. Também me ensinou a não ligar a pequenos problemas de saúde, pois com esses sei bem lidar. O Lupus ensina-me dia a dia  a viver com as minhas limitações, e eu quase já nem dou por elas. Aprendi a viver com a dor, pois como tenho problemas hepáticos não posso estar permanentemente a tomar anti-inflamatórios. Aprendi a andar ao ritmo da doença e consegui. Hoje, só faço o que posso. Nem sempre é fácil, mas acredito que há coisas piores. Adoro viver e nada me vai impedir de continuar a viver a minha vida com alegria e coragem. Tal como dizia Goethe: “A coragem contém em si mesma, o poder, o génio e a magia.” 
E é esta frase que escrevo na primeira página da minha agenda, ano após ano, para que a coragem nunca me deixe e fique sempre comigo, até ao fim, porque sobreviver até é fácil, mas  viver, requer muita coragem.
Pintura de Priscilla Superchi

10 comentários:

  1. Emocionei-me!

    És uma mulher de coragem! Sensível!

    Aprendemos a sobreviver, mas não a viver. Adicionamos anos à nossa vida e não vida aos nossos anos.

    Tu vives e adicionas vida aos anos.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  2. Lita,que texto excelente!É preciso mesmo ter coragem para viver!Lindo ensinamento!bjs e boa semana!

    ResponderEliminar
  3. Estava para passar adiante, mas depois quando li esse nome parei para te dizer que uns chamam coragem e outros chamam pela mesma coisa fé.

    A vida prega-nos muitas partidas mas quando conseguimos ter essa coragem e essa fé vivemos para lá desses momentos dolorosos.

    Deixo-te um beijinho e vou rezar por ti. Que Jesus te abençõe e te cure. Ele é a Salvação dos que n'Ele crêem

    ResponderEliminar
  4. Lita querida! Parabéns por esta postagem linda e corajosa! Me emocionei a medida que lia.... Que Deus te abençoe sempre e que nunca te falte a coragem, a fé, a perseverança... Que continues sendo sempre essa pessoa maravilhosa que és! Obrigada pelo carinho! Um abençoado e feliz início de semana!
    Abraço fraterno e carinhoso!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  5. Olá querida!
    Seus dizeres sempre me emocionam Lita, sempre toca profundamente meu coração, mas hoje tocou ainda mais profundamente, por que hoje estou totalmente emoção, minha tireoide muitas vezes me deixa assim, mas foi bom que eu esteja assim hoje, por que pude interagir melhor com sua alma, com seu coração e saiba de uma coisa.
    Tenho o costume de rezar e agradecer a Deus pelos amigos que tenho aqui por perto e os que estão além dos mares e tenha certeza que irei agradecer cada dia da minha vida por ter lhe conhecido minha doce amiga que mistura tão bem s afetos dentro de nós.
    Um beijo em seu coração todos os dias...e comentando seu comentário lá no nosso blog eu lhe digo - todo amor verdadeiro é mágico, tem magia - bjs
    ((((( Vc tem Facebook?)))))

    ResponderEliminar
  6. .


    Oi,
    Amanhã eu falo dos
    que partiram sem a
    mínima vontade de nos
    deixar. Quando você
    chegar eu dou os de-
    talhes deste fato, já
    que nada é tão boni-
    to quanto o que você
    escreve.

    Espero por você.

    silviofonso






    .

    ResponderEliminar
  7. Que magnânima essa alma Lita!
    Costuma dizer-se que "quem tem corpo, tem dores" mas nem todos suportam a dor ou o sofrimento com a mesma resignação, a mesma dádiva.
    Mas como diz, a coragem é a nossa força e se ela vier também do Alto, então aí há a esperança de que nada é em vão.

    Muito obrigada pelas suas palavras no dia do meu aniv.
    Um grande abraço de admiração

    ResponderEliminar
  8. Olá amiga,mais uma visitinha no meu blog! Obrigada por deixar sempre um comentário simpático às minhas bijuterias.
    Tenho andado a fazê-las com alguma dificuldade, pois como sabe a lupus trata muito mal as nossas articulações,e se pudesse fazer como fazem com as máquinas oleava desde os ombros até aos tornozelos rsrsrsrsrs!!!!
    Como eu me revejo no seu relato,mas temos que ser valentes não é? A dor já é tão nossa companheira que já nem sabemos como é viver sem ela!
    Olhe amiga não sei se tem facebook, é que criei uma pág. com todos os meus trabalhos e gostaria que visse, está em http://www.facebook.com/lilartebijuteria e lá vou fazendo uns sorteios.
    Caso tenha apareça terei todo o gosto em recebe-la.
    Bjinhos Lita e força para nós ;)

    ResponderEliminar
  9. Que lindo o que escreveste minha amiga querida!!!

    Não imagino a luta que deves ter a cada dia.

    Admiro-te por conseguir viver tão bem e feliz!!!

    Quando penso em ti, lembro de minha mãe que sofre de uma enfermidade diferente, mas como ti, parece não ter cura...

    As limitações não são fáceis, mas aprender a viver com elas é uma arte!!!

    Parabéns querida e sim, viva um dia de cada vez, pois nenhum de nós sabe ao certo até quando estará aqui.

    Como digo sempre a minha mãe, não importa se estamos doentes ou não, ninguém sabe ao certo até quando estará por aqui, então, devemos viver o melhor e fazer o melhor que pudermos...

    Quanto ao seu comentário no meu post...

    minha amiga Lita,

    na rua onde moro tem um Mc.... rs
    não adianta querer resistir... rs
    muitas vezes ao chegar do serviço, passo em frente...
    ai já viu né? rs


    Fique com Deus minha querida!!!

    Te adoro de montão viu?!?!

    Abraxos da Terra do Sol Nascente e...

    beijocas

    ResponderEliminar
  10. Lita querida,

    Gostei de ver tua coragem e tua determinação. Para Deus nada é impossível e aprendeste a conviver com tua moléstia...que teus dias continuem iluminados por esta fé...que teus passos pisem em relvas macias e te conduzam a límpidas fontes.

    Bjsssss,
    Leninha

    ResponderEliminar